Inscreva-se para receber nossa newsletter

© Depositphotos.com / photographee.eu A mistura de gerações dentro das empresas pode ser bastante benéfica para o crescimento profissional de cada colaborador.

A presença de profissionais de gerações diferentes no ambiente corporativo é uma preocupação que ganha cada vez mais destaque dentro das empresas. Isso porque é natural que exista algum tipo de conflito entre os profissionais, especialmente quando há grande diferença de idade entre eles. Cada geração tem sua própria maneira de se comportar, pensar, encarar a rotina de trabalho e se relacionar com os chefes e demais colaboradores, e é preciso entender essas diferentes características profissionais para potencializar os aspectos positivos e evitar conflitos.

Gerações profissionais e suas características

Baby Boomers

Formada pelos nascidos entre os anos 1946 e 1964, esta geração tem um perfil mais metódico e individualista. São pessoas pouco favoráveis a mudanças, mas que trabalham de forma árdua e podem ter mais dificuldades com as novas tecnologias.

Geração X

Compreende as pessoas que nasceram da década de 1960 até o ano 1979, sendo formada por profissionais com perfil mais dedicado e comprometido com os objetivos da empresa em que trabalham. Essa geração iniciou sua vida profissional mais cedo e tem o hábito de permanecer muito tempo no mesmo trabalho, apresentando uma certa tendência a se acomodar.

Geração Y

A Geração Y é formada por nascidos entre 1980 e 1995, e apresenta um perfil mais conectado e multitarefa. Esses profissionais têm mais habilidade com o trabalho em equipe e geralmente são mais ousados, embora não possuam tanto comprometimento com a empresa e apresentem um comportamento mais imediatista. Essas pessoas estudaram mais que as outras gerações, mas precisam aprender a segurar alguns ímpetos e ter mais paciência.

Como minimizar os conflitos entre as gerações

Essa mistura de gerações pode ser muito benéfica tanto para empresa quanto para o crescimento profissional de cada colaborador. O saldo dessa interação entre as diferentes idades depende da maneira como a própria empresa lida com os conflitos entre os diferentes perfis.

É necessário que a organização entenda que é preciso estimular uma troca constante entre os colaboradores, de modo a aumentar a criatividade e inovação nos processos e demandas. Desse modo, soluções alternativas podem ser encontradas e todos os profissionais têm a chance de contribuir com novas abordagens para resolver problemas e aprimorar o trabalho.

Vale destacar que o estresse e a insatisfação (fatores que normalmente geram os conflitos organizacionais) nascem da dificuldade de comunicação entre os funcionários, o que acaba gerando resistência por parte de todos. Nesse sentido, é importante que os gestores evitem ruídos na comunicação e trabalhem de modo a estimular os colaboradores a aumentarem sua flexibilidade e capacidade de negociação.

Invista em Inteligência Emocional

Para desenvolver a capacidade dos colaboradores, independentemente de qual geração eles sejam, e aprimorar os relacionamentos e a comunicação entre eles, é fundamental desenvolver a Inteligência Emocional dos funcionários. Ao aprender a lidar com as emoções, eles se tornarão mais capazes de criar relações saudáveis, construtivas e com menos conflitos entre gerações.

Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on pinterest

Posts Relacionados

Caso você ainda não conheça o significado do termo “mindset”,

Leia Mais ►

Treinamentos Sbie

DESENVOLVA A
CAPACIDADE QUE PESSOAS REALMENTE FELIZES E QUE VERDADEIRAMENTE LIDERAM SUAS VIDAs POSSUEM.
A HABILIDADE INDISPENSÁVEL PARA TODO PROFISSIONAL
QUE TRABALHA COM DESENVOLVIMENTO HUMANO.

Inscreva-se para receber nossa newsletter