© Depositphotos.com / luislouro A violência infantil pode levar a criança a desenvolver perturbações intelectuais e relacionais, distúrbios de ansiedade e comportamento agressivo.

Popularmente conhecida como a “Lei da Palmada”, a lei de número 13.010 foi aprovada em junho 2014, garantindo o direito da criança e do adolescente serem educados sem o uso de castigos físicos ou tratamento degradantes como formas de correção.

Embora a violência seja quase sempre associada à agressão física, é comum que a violência verbal também esteja presente no processo de educação dos filhos, e este comportamento é tão prejudicial para criança quanto a agressão física. Isso porque a violência verbal e psicológica expõe as crianças ao que pode ser caracterizado como abuso emocional — que pode gerar consequências profundas para o resto da vida desses indivíduos.

Tipos de violência infantil

Insultos, agressões verbais, desvalorização e humilhação destroem a autoestima da criança de maneira gradativa e as consequências dessas situações serão sentidas pelo indivíduo ao longo de toda a sua vida. Isso porque, da mesma maneira que a criança está desenvolvendo seu corpo, ela também está construindo sua psique em um processo envolve as noções de autoestima, autoimagem e amor próprio.

As lembranças de palavras ofensivas e de negligência emocional na infância reduzem consideravelmente o otimismo e autoestima dos indivíduos adultos, além de aumentar sua impulsividade e favorecer o desenvolvimento de transtornos de ansiedade. Este tipo de agressão também pode trazer diversas outras repercussões à saúde, estando associado à depressão e síndrome do pânico.

Situações de desprezo, abandono e indiferença — assim como chantagens emocionais que geram sentimento de culpa — também são maneiras muito frequentes de agredir emocionalmente as crianças.

Outros comportamentos dentro da estrutura familiar também podem trazer problemas às crianças, tais como:

  • Ambiente familiar marcado por conflitos, pouco solidário e com comportamento individualista;
  • Abuso de álcool, drogas ou medicamentos;
  • Falta de respeito e afeto;
  • Críticas em excesso;
  • Regras muito rígidas;
  • Autoritarismo;
  • Cobranças e excesso de competição entre irmãos;
  • Famílias disfuncionais;
  • Conflitos familiares frequentes.

Quais as consequências da violência infantil?

Além de transtornos depressivos, as agressões verbais e psicológicas podem causar diversos outros problemas. São eles:

  • Perturbações intelectuais e de memória: pesadelos, dificuldade de concentração, problemas com a memória, autoimagem negativa e sentimento de inferioridade;
  • Perturbações relacionais: timidez excessiva, isolamento, sentimento de culpa, falta de confiança e sentimento de impotência;
  • Distúrbios de ansiedade: medo, fobias, dificuldades para dormir, disfunções alimentares e sexuais;
  • Comportamento agressivo: filhos de casais violentos possuem muito mais chances de apresentar problemas comportamentais e desenvolver uma personalidade agressiva.

Como a Inteligência Emocional pode ajudar?

Famílias disfuncionais e que apresentam dificuldades de relacionamento geralmente são originadas pela presença de pais que não cuidam das próprias emoções e, como consequência, acabam reproduzindo os padrões que aprenderam durante a própria infância. A dificuldade em educar os filhos de maneira harmoniosa, carinhosa e saudável está associada a questões internas que precisam de atenção e cuidado. O Método LOTUS de Inteligência Emocional propõe justamente isso: olhar para próprias emoções e entender como os gatilhos internos interferem na maneira como você se relaciona com seus filhos, família, amigos e colegas profissionais.

 

Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on pinterest

Posts Relacionados

20 frases de incentivo para você fazer parte do Outubro Rosa! Confira!

Leia Mais ►

Saber reconhecer as emoções e como elas influenciam suas ações é fundamental para ter mais qualidade de vida e equilíbrio.

Leia Mais ►

Confira essa entrevista exclusiva para compreender um pouco mais sobre a doença que hoje, é considerada a “doença do século”.

Leia Mais ►

Treinamentos Sbie

DESENVOLVA A
CAPACIDADE QUE PESSOAS REALMENTE FELIZES E QUE VERDADEIRAMENTE LIDERAM SUAS VIDAs POSSUEM.
A HABILIDADE INDISPENSÁVEL PARA TODO PROFISSIONAL
QUE TRABALHA COM DESENVOLVIMENTO HUMANO.

Inscreva-se para receber nossa newsletter