Inscreva-se para receber nossa newsletter

© Depositphotos.com / dima_sidelnikov Empatia é a capacidade que temos para sentir o que uma pessoa sentiria se estivéssemos passando pela mesma situação que e

Empatia é a capacidade psicológica que temos para sentir o que uma pessoa sentiria se estivéssemos passando pela mesma situação que ela; é o sentimento que nos liga ao outro. Ser empático tem a ver com ser altruísta, ter amor pelo outro e ajudá-lo.

Num mundo extremamente conectado, mas também individualista, as redes sociais são poderosas intermediadoras que escancararam a falta de empatia da sociedade. As pessoas disseminam ódio e rancor pela internet, denegrindo e expondo sem nem pensar como se sentiriam se estivessem no lugar dos outros. E, apesar dessa desumanização ter sido amplificada com o contato via web, essa falta de empatia é apenas um reflexo da ausência de solidariedade e amor dentro de cada um.

Um exemplo recente disso foi o caso de Day McCarthy, que disparou ofensas absurdas referentes à cor e cabelo da pequena Titi, filha adotiva dos atores Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank. Como se não bastasse, a socialite já esteve envolvida em outras situações como essa, em que a mesma diminuía e julgava a aparência dos outros em seus vídeos.

Ações como essa, mostram como as pessoas falam sem pensar, nem se colocam no lugar dos outros. A partir do momento que você faz uma crítica maldosa, mesmo sabendo que pode machucar, você está sendo apático com o sentimento do outro. E machucar o outro, só machuca a você mesmo. Afinal, não fazer com os outros o que você não quer que façam com você é um princípio que deveria ser levado em consideração.

É evidente que muitos ainda não tenham assimilado que as maiores mazelas do mundo se dão por causa da falta de empatia dos homens. Essa ausência gera uma desumanização, tanto em sí mesmo quanto no outro. E com isso, nos tornamos menos humanos, mais egoístas, mais competitivos e mais individualistas.

Devemos levar em consideração que transtornos de personalidade antissociais são causados também pela falta de empatia. Isso não significa necessariamente que não ter empatia te torna um psicopata ou sociopata. Pessoas que não possuem empatia emocional – caso das TPA’s – conseguem entender o que os outros estão sentindo, e até mesmo sabem a resposta que aquela emoção causa, mas elas simplesmente não a sentem.

A ignorância, o desafeto e a raiva são sinônimos claros de um pensamento intolerante: estamos em estado alarmante de falta de solidariedade. Precisamos reconhecer na empatia a possibilidade de promover mudanças significativas no mundo.

Enquanto as pessoas se distanciam por meio do preconceito e do julgamento, a empatia cria laços que as aproximam.

Enquanto a intolerância é um dos maiores problemas do mundo, a empatia é a cura.

Quer ampliar sua capacidade de empatia?

Conheça o Método LOTUS e aprenda a se colocar no lugar das outras pessoas, melhorando significativamente seus relacionamentos e, consequentemente, sua qualidade de vida.

Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on pinterest

Posts Relacionados

Você está cansado de não conseguir manter metas de longo prazo, ou então ser considerado uma pessoa explosiva? Entenda como parar de agir por impulso!

Leia Mais ►

Você sente dificuldade em realizar trabalhos em equipe? Quer entender a origem desse problema, e como superá-lo? Leia agora e descubra!

Leia Mais ►

Treinamentos Sbie

DESENVOLVA A
CAPACIDADE QUE PESSOAS REALMENTE FELIZES E QUE VERDADEIRAMENTE LIDERAM SUAS VIDAs POSSUEM.
A HABILIDADE INDISPENSÁVEL PARA TODO PROFISSIONAL
QUE TRABALHA COM DESENVOLVIMENTO HUMANO.

Inscreva-se para receber nossa newsletter