Inscreva-se para receber nossa newsletter

Todos sentimos as dificuldades que esse ano propôs para a gente. E convenhamos, não foram poucas. Em meio à uma pandemia mundial, fica difícil para qualquer um manter o foco nas suas metas, e realizar até mesmo as tarefas que já estávamos acostumados no dia a dia. Como, por exemplo, continuar os estudos, manter a produtividade no emprego, fazer exercícios regularmente, entre muitas outras.

A culpa do fim de ano

Quando você sente as consequências de toda essa situação, pode acontecer do sentimento de culpa o dominar. Culpa por ter um desempenho abaixo do esperado, culpa por não conseguir manter o seu emprego, culpa por ter aumentado de peso, ou até mesmo, por não ter conseguido dar aquele primeiro passo que você tanto planejava, em direção ao seu grande sonho.

Ninguém gosta de lidar com a frustração e o sentimento de culpa. Porém, é importante saber encará-los como um incentivo. Para que assim, você finalmente consiga encerrar o ciclo do seu comportamento de autossabotagem. Ou seja, para conseguir encontrar a força necessária para se libertar desse padrão, você precisará entender que é merecedor de cada uma das suas vitórias.

A origem do sentimento de culpa

O conceito que temos do sentimento de culpa, é formado no início no nosso período original. Desde sempre, fomos ensinados que devemos sentir vergonha e remorso por agir de forma considerada “errada”, por ir contra os princípios de empatia. Esse conceito, não está errado. Porém, ele pode ter sido distorcido, quando estávamos no nosso período original.

O período original tem início desde o momento da nossa concepção, na fase ainda uterina, e ele se estende até os 7 anos de idade. Nesse período, você está sendo “moldado” como pessoa, e está desenvolvendo sua noção de mundo. Por esse motivo, é uma fase muito suscetível a absorção das dores dos nossos pais, e principalmente, da mãe. Dessa forma, acabamos inconscientemente, carregando para a vida inteira o sentimento de uma culpa que não é propriamente nossa, mas que aprendemos a senti-la como se realmente fosse.

Como lidar

Dessa forma, toda essa culpa, gera em você, o sentimento do não merecimento, e de forma inconsciente, você acaba autossabotando tudo o que tenta realizar. Então, você precisa buscar o Autoconhecimento e o entendimento da SUA HISTÓRIA, para que você consiga enxergar a origem de todo esse sentimento de culpa, que, na verdade, não é seu, e assim, possa finalmente se libertar

Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on pinterest

Posts Relacionados

Caso você ainda não conheça o significado do termo “mindset”,

Leia Mais ►

Treinamentos Sbie

DESENVOLVA A
CAPACIDADE QUE PESSOAS REALMENTE FELIZES E QUE VERDADEIRAMENTE LIDERAM SUAS VIDAs POSSUEM.
A HABILIDADE INDISPENSÁVEL PARA TODO PROFISSIONAL
QUE TRABALHA COM DESENVOLVIMENTO HUMANO.

Inscreva-se para receber nossa newsletter