Até que ponto nosso talento nos motiva?

Publicado em: 29/05/2018 Por: Redação SBie

© Depositphotos / yusak_p É normal que sejamos reconhecidos por nosso talento e pelo que temos aptidão. Mas até que ponto isso é proveitoso?

De forma inconsciente, sempre associamos nosso talento à nossos pontos fortes. Afinal, é por meio deles que expressamos o que temos de melhor e somos reconhecidos. Mas, até que ponto eles são proveitosos e benéficos?

É notório como somos reconhecidos pelos nossos talentos, mas isso pode se tornar nocivo para o nosso ego, já que tendemos a reforçar mais e mais os mesmos. Um exemplo disso é se fechar à oportunidades e só desenvolver a característica para qual você tem aptidão.

Abrir espaço para novas expressões é fundamental para se desenvolver. Como qualquer pessoa, estamos em constante evolução, o que implica às vezes em mudanças significativas nas nossas escolhas e até mesmo na nossa visão de mundo. Assim, é sempre importante buscar progredir e ampliar nossas capacidades o tempo todo.

Afinal, como não nos deixar ser refém de nosso talento?

Liberar o potencial das pessoas é uma maneira de se transformar e se desenvolver para estar em uma melhora progressiva. Para que isto aconteça, dar espaço para nossas múltiplas facetas e talentos é fundamental.

Procure novas tarefas pelas quais se interessa

Apesar da afeição por determinada característica, é importante não nos deixarmos limitar com uma única descrição. Buscar estar sempre desenvolvendo novas características é o primeiro passo para não se tornar refém de algum talento.

Uma forma de descobrir outras qualidades é ir em busca de cursos que instiguem traços ainda não aprofundados por você.

Dedique uma parte do seu dia

É essencial que você estabeleça um período do seu dia para os novos estudos. Como qualquer assunto ao qual estamos nos iniciando, para ter total aptidão é necessário um conhecimento profundo e muita aperfeiçoação. E isso leva tempo. Dedique-se à isso!

Não se limite

Seus talentos com certeza fazem parte de quem você é, mas não é só deles que você é feito. Não se auto-sabote: você é muito mais do que uma única característica! É preciso ter em mente que sempre é possível aprimorar e se desenvolver.

Invista em autoconhecimento

Se conhecer é uma ótima maneira de se aceitar e entender o que você verdadeiramente gostaria de fazer em todos os âmbitos da sua vida. Muitas vezes, os seres humanos deixam a vida correr no piloto automático e acabam se afastando da sua própria vontade, esquecendo de que estamos sempre evoluindo.

O desenvolvimento pessoal e profissional é fundamental para potencializar as habilidades e competências individuais. Consequentemente, o desenvolvimento da Inteligência Emocional é um dos principais diferenciais das pessoas que alcançam essa realização.

Se você quer desenvolver suas capacidades e não se limitar à um só talento, conheça o Método Lotus: são três dias dedicados ao desenvolvimento de sua Inteligência Emocional, das habilidades interpessoais e do autoconhecimento.

Translate »