© Depositphotos.com / alphaspirit O espírito de liderança é essencial para que os colaboradores consigam ter uma visão de longo prazo de sua carreira.

Falta de engajamento, ausência de expectativas em relação à carreira, falta de autoconhecimento e incapacidade de autoliderança são os principais problemas enfrentados pelas empresas em relação a seus colaboradores. A maioria das organizações conta com muitos profissionais talentosos, com ampla formação e experiência, mas esses colaboradores geralmente terceirizam os erros e não conseguem se colocar no papel de protagonistas de sua própria carreira.

O espírito de liderança é fundamental para que esses colaboradores consigam ter uma visão de longo prazo em relação a sua carreira, desenvolvendo foco, disciplina e engajamento profissional. E cabe à empresa e aos gestores a tarefa de construir e estimular um ambiente que valorize seus funcionários e permita o desenvolvimento individual.

Confira as principais habilidades que precisam ser desenvolvidas para estimular o espírito de liderança nos colaboradores:

Dicas para estimular a habilidade de liderança nos colaboradores

Invista em responsabilidade

A habilidade fundamental que precisa ser desenvolvida nos colaboradores é a capacidade de assumir a responsabilidade sobre sua carreira. É preciso que os profissionais parem de terceirizar os erros e colecionar desculpas que justifiquem seus pontos fracos, atrasos nas entregas e baixo desempenho. Para isso, o funcionário precisa ser estimulado a encarar suas dificuldades pessoais, além de reconhecê-las e modificá-las.

Mantenha o funcionário comprometido

O hábito de se comprometer com os objetivos da empresa é uma consequência natural do engajamento do profissional com a própria carreira. Por esse motivo, é importante que o colaborador tenha consciência de que o reconhecimento vem a partir de suas próprias ações e resultados.

Incentive o autoconhecimento

O colaborador precisa entender quais são suas principais motivações, bem como suas crenças, valores e pensamentos sabotadores. Este tipo de autoconhecimento é essencial para que o profissional aprimore sua performance e elimine hábitos que prejudicam o desenvolvimento de sua carreira. Entender a missão e o objetivo da empresa em que o colaborador trabalha também é fundamental, pois os funcionários precisam criar uma conexão com a organização, alinhando suas metas individuais com as expectativas da empresa.

Estimule a interação entre os colegas

Um clima agradável e harmônico é muito importante para que as metas sejam atingidas e a saúde emocional da equipe seja mantida. Nesse sentido, estabelecer uma relação de confiança entre os funcionários é fundamental para desenvolver a empatia, característica fundamental para um líder.

Desenvolva a Inteligência Emocional na empresa

A habilidade de liderança está intimamente ligada à confiança em si mesmo. Invista no autoconhecimento e no desenvolvimento da Inteligência Emocional de seus colaboradores, permitindo que eles compreendam seus próprios sentimentos e como cada um deles afeta o comportamento, o humor e a dedicação ao trabalho. Conheça o Método LOTUS e saiba mais!

Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on pinterest

Posts Relacionados

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 15% do brasileiros – 30 milhões de pessoas – sofrem com a dor. Ou seja, precisamos realmente prestar atenção nos sintomas dessa condição e nas causas emocionais que podem influenciar seu surgimento.

Leia Mais ►

Pesquisar online uma reação física qualquer é algo fácil, até automático, certo? Porém, essa “curiosidade” tem limite e quando ele é ultrapassado, surge a hipocondria.

Leia Mais ►

A interação entre fatores genéticos, ambientais e psicológicos podem levar ao desenvolvimento dessa doença silenciosa. Porém, são os fatores psicológicos e emocionais que funcionam como um gatilho para o transtorno vir à tona.

Leia Mais ►

Inscreva-se para receber nossa newsletter